Dia do Rock Goitacá será comemorado no próximo sábado no Jardim do Liceu

Evento realizado pela Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima acontecerá das 13h às 22h e terá shows de bandas locais de rock, apresentando canções autorais.

A Prefeitura de Campos através Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (FCJOL) realizará no próximo sábado (7), na Praça Rio Branco (Jardim do Liceu), a edição 2022 do Dia do Rock Goitacá. O evento acontecerá das 13h às 22h e terá shows de bandas locais de rock, apresentando canções autorais. A ação faz parte da retomada cultural do município.

O Dia do Rock Goitacá é um evento cultural anual, assegurado pela lei municipal n° 8479, de 09 de outubro de 2013, da então vereadora Auxiliadora Freitas, voltado à valorização de músicos, compositores e bandas locais do gênero artístico/musical Rock and Roll e suas vertentes. A data é celebrada desde o ano de 2014, preferencialmente no dia 6 de maio, em homenagem ao saudoso músico e compositor, Luizz Ribeiro, que fazia aniversário nesta data.

“O Dia do Rock Goitacá possuiu, em todas as edições, uma formatação bem abrangente, com o propósito de levar cultura e entretenimento com manifestações artísticas de diversas naturezas. Neste sábado estaremos na Praça do Liceu, novamente aplaudindo nossos artistas”, detalha a presidente da FCJOL, Auxiliadora Freitas.

Palestra sobre elaboração e captação para projetos culturais encerra Expo LAB

Produtor e ativista cultural, Lebron Victor, proferiu palestra no Palácio da Cultura, encerrando evento que divulgou trabalhos premiados nos editais da Lei Aldir Blanc.

Proferindo palestra sobre elaboração e captação de recursos para projetos culturais o produtor e ativista cultural, Lebron Victor, encerrou a programação da Expo LAB, no Palácio da Cultura, na tarde deste sábado (30). O evento foi promovido pela Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (FCJOL), exibindo trabalhos de artistas de Campos premiados nos editais da Lei Aldir Blanc de 2020 e 2021, desde a última quinta-feira (28).

No encontro com o público que prestigiou sua palestra, Lebron Victor falou sobre a dificuldade da captação de recursos, muitas vezes pelo desconhecimento de caminhos para que o fazedor de cultura possa executar a divulgação daquilo que ele produz. Além de explicar um pouco sobre a elaboração de projetos para editais, o produtor interagiu com a plateia, perguntado sobre o significado da cultura para cada participante.

“Fico muito feliz com o fato de que a palestra tenha sido realizada no Palácio da Cultura, local que frequentei, na infância, com meu saudoso avô, Jorge da Paz Almeida, o Jorge Chinês. Falar sobre cultura é mostrar que todos nós somos fazedores de cultura, independente de atuação profissional neste universo. Tirar dúvidas sobre a elaboração de projetos foi uma troca maravilhosa com o público”, avaliou Lebron Victor.
Na atividade de encerramento da Expo LAB, a presidente da FCJOL, Auxiliadora Freitas, foi representada pela diretora executiva das Artes e Culturas, Kátia Macabu. A atividade contou, também, com as presenças do gerente de Formação em Arte e Cultura da FCJOL, Fábio Mattos e do gerente do Sistema Municipal de Cultura, Ronaldo Junior.

Trianon recebe espetáculo “E vamos à luta – Viva Gonzaguinha!” sábado e domingo

Espetáculo da Cia. de Arte de Persona mostrará um tributo a Gonzaguinha, um dos maiores compositores do país, falecido há 31 anos.

A Cia. de Arte de Persona apresentará, no Teatro Trianon, neste sábado (30) e no domingo (1º), sempre às 20h, o espetáculo “E vamos à luta – Viva Gonzaguinha!”, tributo a um dos maiores compositores do país, falecido há 31 anos. Os ingressos custam R$ 15,00 (inteira) e R$ 7,50 (meia) e estão à venda no link (https://megabilheteria.com/evento/temporada?id=20180626172859) ou na bilheteria do teatro, que funciona segunda a sexta-feira, das 13h às 17h e, sábado e no domingo, a partir das 17h. O espetáculo tem classificação livre e o evento tem o apoio da Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (FCJOL).

O espetáculo foi montado em 2021 e, agora, ganha o palco do Trianon, na retomada cultural do município. Segundo a diretora da Persona, Tânia Pessanha, a escolha do saudoso compositor como tema do espetáculo não foi aleatória.

“Gonzaguinha é uma força da natureza. Suas palavras são fortes e ecoam verdadeiras (e necessárias) até os dias de hoje. Fizemos um mergulho profundo em sua obra. Na apresentação, o público poderá conferir toda a genialidade do artista através de suas fortes letras, usadas como texto, além de sua musicalidade, presente nos números de canto e dança. Além disso, é uma excelente oportunidade para as novas gerações conhecerem mais deste ilustre compositor brasileiro”, explica Tânia Pessanha.

Palácio da Cultura recebe Banda Pizzicato na Expo LAB

Apresentação marcou o segundo dia do evento que prossegue até sábado (30), com entrada franca, reunindo trabalhos dos artistas premiados na Lei Aldir Blanc.

O som da Banda Pizzicato marcou a noite desta sexta-feira (29), segundo dia da Expo LAB, que acontece até este sábado (30), no Palácio da cultura, com entrada franca, reunindo trabalhos dos artistas do município premiados na Lei Aldir Blanc, em 2020 e 2021. Realizado pela Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (FCJOL), o evento valoriza o trabalho dos fazedores de cultura que, no período da pandemia, contaram com a LAB para continuar fazendo sua arte. A presidente da FCJOL, Auxiliadora Freitas, assistiu ao show.

O show aconteceu no anfiteatro do Palácio da Cultura, trazendo a perfeita união ente os músicos Leandro Oliveira (piano), Fernanda Barroso (voz), Luis Augusto Fernandes (bateria), Luis Fernando Bastos (trompete) e Glauber Rafael de Menezes (trombone). No repertório, canções de gêneros variados conhecidos nacional e internacionalmente, embalaram o começo da noite.

“Agradecemos o espaço dado ao artista local, que, por tanto tempo ficou parado, em razão da pandemia. Nós da Pizzicato estamos muito felizes e honrados com a oportunidade de participar da Expo LAB, nesse lindo cartão postal de Campos, que é o Palácio da Cultura”, disse a cantora Fernanda Barroso.

Artistas premiados nos editais marcam presença na Expo LAB

Evento realizado até este sábado (30) no Palácio da Cultura representa importante janela de divulgação dos trabalhos de artistas premiados na Lei Aldir Blanc.

Alguns dos artistas com trabalhos expostos na Expo LAB, realizada pela Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (FCJOL), até este sábado (30) no Palácio da Cultura têm prestigiado o evento. Premiados pela Lei Aldir Blanc, nos editais de 2020 e 2021, alguns desses fazedores e fazedoras de cultura foram recebidos pela presidente da FCJOL, Auxiliadora Freitas e pela diretora executiva das Artes e Culturas da FCJOL, Kátia Macabu, na noite desta sexta-feira (29).

Daniel Azeredo, autor de “Tragos”, filme produzido em 2006, acompanhou a exibição de sua criação. “O filme foi gravado no antigo Bar do Estranho, que fazia o fomento do cultural alternativo do município. O material retrata as faltas e as necessidades de encontros, pessoais e relacionais, difundidas a partir de um viés ultra-romântico. Hoje, tantos anos depois, tenho uma visão diferenciada do conteúdo do documentário que tem nuances dramatúrgicas”, observou Daniel.

Em outro espaço da Expo LAB, familiares de Diogo Monteiro Alves da Silva, o Dmas, observavam, com orgulho, a imagem da heroína campista, Benta Pereira, transformada em foto, artes de arte digital, pelo artista, com base no busto localizado no corredor cultural da Câmara Municipal de Campos. Os pais de Dmas, Dirlei Rangel e Maria Helena, visitara, a exposição junto de seu outro filho, Diego Monteiro.
“O projeto da exposição é maravilhoso e representa um importante incentivo aos artistas do município. Nosso filho se dedicou bastante para criar essa imagem de Benta Pereira que, a partir de agora, pertence ao município, pois foi selecionada através do Edital 1 de 2021, chamado ‘Culture, Campos: Minha História’, através do qual as obras selecionadas passaram a fazer parte do acervo da FCJOL.”, disse Maria Helena, mãe de Dmas.

 

Expo LAB termina neste sábado no Palácio da Cultura

Palestra com o ativista cultural, Lebron Victor, falando sobre captação de recursos para projetos culturais, às 16h, será a atração principal.

A Expo LAB chega ao último dia neste sábado (30), no Palácio da Cultura, funcionando das 14h às 19h. A atividade exibe trabalhos dos artistas de Campos, premiados nos editais da Lei Aldir Blanc, nos editais de 2020 e 2021. A palestra com o ativista cultural, Lebron Victor, falando sobre captação de recursos para projetos culturais, às 16h, será a atração principal da finalização do evento realizado pela Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (FCJOL).

A Expo LAB exibe um acervo de fotografias, pinturas, esculturas e peças de artesanato. Uma vasta obra em vídeos, como oficinas, palestras, aulas, espetáculos e documentários, também marca o projeto que ocupa, de forma criativa, setores do Palácio da Cultura.

“Em cada espaço da Expo LAB nos deparamos com a beleza da criatividade de muitos artistas que, antes da participação nos editais da Lei Aldir Blanc, sequer haviam exposto seus trabalhos publicamente. Reforço o convite para que todos aproveitem a tarde deste sábado para visitar nossa exposição”, destaca a presidente da FCJOL, Auxiliadora Freitas.

EXPO LAB – PROGRAMAÇÃO

30/04 – SÁBADO

16h – Palestra com o ativista cultural, Lebron Victor, acerca da importância da elaboração de projetos culturais para a participação em editais